planejamento financeiro

10 dicas para economizar dinheiro no supermercado

bananas-698608_1280Uma das maiores despesas fixas que temos todos os meses é essencial para a nossa sobrevivência: comida. Mas nem sempre estamos otimizando os nossos gastos em comida e se nosso objetivo é economizar dinheiro, existem alguns hábitos que podemos adotar e dicas que podemos seguir para gastar menos com a alimentação, e até mesmo manter uma alimentação mais sadia.

10. Reduza seu consumo de refrigerantes e sucos de caixinha

Essa é uma dica que não só resulta em uma economia, como sua saúde também melhora com a atitude. Faça as contas de quanto custa uma garrafa de refrigerante ou uma caixa de suco, multiplique pelo número que você consome por semana, e depois por 52, o número de semanas que temos em um ano. Supomos que você gaste 10 reais em refrigerantes e sucos por semana. Em um ano você vai gastar 520 reais ao reduzir seu consumo pela metade, você economiza 260 reais em um ano.

A mesma economia pode ser feita substituindo chocolate, bolo e outras sobremesas por frutas da estação. Além de economizar uma soma considerável, resulta numa alimentação mais saudável.

09. Planeje a sua semana para evitar desperdício

Quantas refeições você faz por semana? Café da Manhã, Lanche, Almoço e Jantar? Ao fazer suas compras semanais ou mensais, planeje o que você vai comer durante a semana, e quantas refeições você vai cozinhar em casa e faça uma lista com os produtos você precisa comprar. Isso ajuda a evitar o desperdício e a organizar a sua alimentação.

08. Pesquise preços e promoções atentamente, mas compre apenas o que precisa

Pegue os encadernados de promoção do supermercado e pesquise os preços dos produtos na internet ou em outros mercados, mas compre apenas o que você precisa, evite gastar com produtos supérfluos apenas porque estão em promoção. Esteja atento também que mesmo que um produto esteja em promoção, não significa que é o mais barato do mercado.

07. Não fique muito preso às marcas dos produtos, experimente novas marcas

Muitas vezes os folhetos promocionais divulgam marcas mais caras que ainda assim tem um preço maior do que marcas mais populares.

Não julgue um produto pela marca ou embalagem logo de cara, muitas vezes um produto mais barato pode ter qualidade igual ou até mesmo superior a um produto premium. Experimente.

06. Compre produtos não perecíveis na promoção e em embalagens grandes

Muitos produtos tem um prazo de validade curto e precisam ser comprados semanalmente no mercado. Mas para produtos com longas datas de validade, aproveite para criar um estoque quando o mercado fizer uma promoção e compre embalagens grandes mais econômicas, mas calcule o valor por unidade, peso ou volume para ter certeza de que está pagando um valor menor do que as embalagens menores. Veja abaixo um exemplo real de comparação de preço de sabão em pó:

Sabao em po

05. Evite ir ao mercado com pressa, com fome e com crianças

Para analisar os preços atentamente e tomar decisões é preciso tempo, e por isso é sempre bom evitar ir ao mercado com pressa. Ir ao mercado com fome também tende a aumentar as compras por impulso, assim como ir acompanhado de crianças.

Se você não tem com quem deixar seus filhos, uma dica legal para evitar choradeira é combinar que eles podem escolher apenas um produto, e ir trocando quando eles pedirem por um novo produto. Se eles escolheram um produto muito caro, mostre um produto barato perto do caixa, e tente fazê-los mudar de opinião e levar o produto mais barato.

04. Aproveite feiras de rua

Se sua cidade tem feiras de rua (algumas cidades no Brasil não tem), encontre uma feira perto do trabalho, que funcione no horário de almoço, ou alguma que funcione durante o fim de semana, ou em seus dias de folga. Os preços na feira são negociáveis, especialmente quando o horário da feira está chegando ao fim, e podem ser bem mais baratos do que no mercado.

03. Coma frutas e verduras da estação

 Normalmente são bem mais baratas e de melhor qualidade do que as frutas e vegetais fora de época. Vale a pena também para variar o cardápio, experimentar novas receitas e ter uma alimentação mais balanceada.

02. Plante verduras, frutas e legumes

Se você mora em apartamento, pode ser um vaso no parapeito de uma janela, se você tem um quintal pode ser uma horta bem maior – além de ser uma economia financeira interessante, a atividade de plantar e colher suas próprias frutas e verduras pode se tornar um hobby terapeutico.

01. Controle o seu estoque

Verifique com frequência a data de validade dos produtos que você tem em casa, e antes de ir ao mercado verifique se você já tem algum dos itens da sua lista, ou pode substituir algo com o que tem no estoque em casa. Muitas vezes esquecemos de produtos que compramos e resulta em desperdício.

Com essas dicas e hábitos, não só você pode reduzir o seu consumo e desperdício, como pode melhorar os seus hábitos alimentares.

Anúncios

10 dicas para economizar dinheiro mais facilmente

money-559013_1280

10. Pague suas contas no começo do mês

Deixar para pagar as contas no fim do mês, ou no último dia de vencimento, pode causar problemas financeiros. Pagando suas dívidas no começo do mês, você tem a visão exatamente de quanto pode gastar até o fim do mês, e de quanto desse dinheiro você quer economizar para seus planos financeiros.

09. Registre todos os seus gastos

Dá trabalho? Sim. É um hábito que você precisa criar. Existem vários aplicativos para isso, mas uma simples planilha do excel pode te ajudar, ou mesmo um caderninho onde se anota tudo. Anote além do valor qual foi o objetivo da compra (ex: supermercado, social, roupas) e no fim do mês faça a soma de cada um dos gastos e você vai ver em que áreas da sua vida você precisa cortar gastos.

08. Faça orçamentos para o mês

Depois que você tiver calculado quanto você gasta por mês em cada uma das áreas da sua vida, uma boa dica é fazer orçamentos de quanto você quer gastar por mês em cada uma das áreas. Por exemplo: se você gastou R$ 200 de supermercado por semana no mês passado, esse mês você pode limitar seu orçamento a R$ 180 por semana, para ver se consegue economizar 80 reais no fim do mês (10% do valor do gasto).

07. Seja seletivo na sua vida social

Ao invés de sair pra jantar fora e ir ao cinema com amigos, porque não chamá-los pra assistir um filme na sua casa? Troque o shopping pelo parque, praça ou praia. Faça caminhadas (e leve sua garrafa d’água e lanchinho de casa).

06. Leve comida de casa para o trabalho

Sim, muita gente considera farofeiro o coleguinha que leva marmita pro ambiente corporativo, mas é uma boa forma de economizar dinheiro e ter uma alimentação mais saudável até. Se não existe uma cozinha ou refeitório no seu trabalho, você pode comer seu almoço numa praça ou num parque, faça um mini piquenique e transforme isso numa diversão pra fugir do escritório.

piggy-bank-621068_1280

05. Corte cigarro e bebida

Além de serem hábitos prejudiciais à saúde, são super prejudiciais ao bolso. Controle quantas cervejas você está bebendo e beba menos dias por semana. Evite beber refrigerante ou bebida alcoólica em casa, beba mais água.

04. Descubra se você gasta mais usando dinheiro vivo, ou usando cartão de crédito

Muitos experts dizem para não usar cartão de crédito e preferir dinheiro vivo. Particularmente, comigo acontece o contrário, se eu tenho dinheiro vivo na carteira, eu acabo gastando mais com coisas pequenas, como um pão de queijo na padaria, um suco, um chocolate, comprar que eu não faço normalmente se saio apenas com o cartão do banco, já que são valores muito pequenos para se pagar com o cartão. Se você for à praia, ao parque ou qualquer outra atividade que não vai precisar de dinheiro, deixe a carteira em casa.

03. Compre roupas apenas quando necessário e opte por peças mais multifuncionais

Dê preferência à roupas que podem ser usadas tanto para o trabalho quanto para o lazer. Use roupas velhas em casa. Compre apenas o necessário e pechinche bastante para achar roupas de boa qualidade mas com o melhor preço possível. Separe um orçamento para quanto você quer gastar com roupas por ano, e divida por 12 para saber o que você pode gastar por mês e compre uma peça nova a cada mês, ou a cada dois, três meses, dependendo do seu orçamento, e principalmente da sua necessidade.

02. Faça presentes de aniversário para seus amigos e família

Ao invés de comprar presentes caros, opte por presentes mais pessoais, faça biscoitos caseiros, bolos e doces ou mesmo artesanato pessoal, camisetas customizadas ou porta retratos com imagens antigas. Coisas simples, com custo acessível e com valor sentimental muitas vezes maior do que presentes caros.

01. Tenha um plano e a cada mês veja o quanto se está mais perto de conseguir conquistar o seu objetivo

Essa é uma dica fundamental. Economizar é muito mais fácil se temos um objetivo para o dinheiro que estamos poupando. Se é uma viagem, um curso, casamento ou para algum investimento (como comprar uma casa), tenha uma idéia certa da quantia que você precisa economizar para conquistar seu objetivo e a cada mês veja o quanto você está mais próximo do resultado. Persevere e procure alternativas para economizar ainda mais ou aumentar a sua renda até alcançar o seu objetivo.